Como Montar Uma Pizzaria Pequena de Sucesso em 7 Passos


Cada vez mais pessoas estão dando vida ao grande sonho de abrir um negócio próprio e em nome disso, muitos estão optando por saber como abrir uma pizzaria e finalmente começarem a trabalhar de forma independente.

Para oferecer algumas orientações a quem deseja começar um empreendimento desse tipo, elaboramos uma sequência das principais etapas que dizem respeito à abertura do negócio. Confira!

Publicidade

7 Passos para montar uma pizzaria

  1. Estudar o Público-alvo e os Concorrentes
  2. Definir o ambiente e os serviços
  3. Ponto Comercial
  4. Formalização do negócio
  5. Montar a estrutura da pizzaria
  6. Montar a equipe de trabalho
  7. Divulgação da pizzaria

1. Estudar o Público-alvo e os Concorrentes

Antes da abertura de qualquer tipo de negócio, a etapa da pesquisa de mercado é absolutamente indispensável e no caso de uma pizzaria não é diferente.

Isso consiste em buscar identificar os concorrentes, o que eles oferecem aos clientes, o que os clientes esperam como diferencial de uma pizzaria, qual estimativa do número de frequentadores, projeção do faturamento, valor do investimento a ser realizado, entre outros.

Esta etapa é fundamental para determinar o sucesso do negócio, pois é ela que oferecerá as bases para que os próximos passos sejam dados com muito mais segurança.

2. Definir o ambiente e os serviços

À medida que são obtidas as informações com relação ao que é oferecido pelos concorrentes e quais são os anseios dos clientes, é necessário verificar qual o tipo de ambiente que mais atrairia as pessoas para a pizzaria. O ambiente envolve o planejamento do espaço físico e decoração, dando uma identidade ou “estilo” à pizzaria.

A depender do público que a empresa visa atender, é necessário planejar um ambiente de acordo. Por exemplo, caso o objetivo seja saber como montar uma pizzaria para a classe A, é indispensável que o ambiente seja diferenciado.

Algumas pizzarias, a depender do cardápio e do público que atendem, também necessitam contar com uma selecionada adega de vinhos à disposição dos clientes.

Nesta etapa também é recomendável verificar como poderá ser estruturado um serviço de delivery, já que grande parte da população prefere pedir pizza para entrega.

3. Ponto Comercial

A escolha com relação ao lugar onde funcionará a pizzaria é um fator determinante para o sucesso do negócio. Logo, quanto melhor a localização onde há um grande fluxo de pessoas e relativa facilidade para estacionar, maiores serão as chances de atrair um número cada vez mais expressivo de clientes.

A escolha do local também envolve atentar-se em verificar se ele está de acordo com todas as exigências com relação à segurança e higiene indispensáveis para um estabelecimento que atua no segmento de alimentação.

Evidentemente que o lugar escolhido também deve estar adequado com o que foi planejado em termos de espaço para disposição das mesas, balcões, caixa, cozinha etc.

4. Formalização do negócio

Para que a pizzaria inicie as atividades, é obrigatório que o negócio seja formalizado junto aos órgãos competentes. Isso envolve verificar os trâmites quanto à documentação, certidões, alvarás e demais solicitações para abertura do CNPJ e autorização de funcionamento da pizzaria.

Para isso, é imprescindível que o empreendedor conte com os serviços de um contador que o auxiliará nesse processo.

5. Montar a estrutura da pizzaria

como-montar-uma-pizzaria_2

Após a formalização do negócio, é o momento de montar a estrutura da pizzaria, arrumando-a e decorando-a conforme o “estilo” planejado, dispondo mesas, cadeiras, móveis da cozinha, balcões, caixa e outros.

Vale ressaltar que muitas pizzarias trabalham também com forno à lenha. Logo, caso o local não venha com esse tipo de forno, é preciso providenciar a construção dele.

Quanto aos itens necessários que envolvem como montar uma pizzaria, estão basicamente (além do forno à lenha): Forno elétrico industrial, fogão industrial, geladeira, freezer, caixa registradora, motocicleta (para o delivery), liquidificadores industriais, batedeiras industriais, processadores de alimentos, exaustor, telefone e utensílios de cozinha.

6. Montar a equipe de trabalho

Escolher uma boa equipe de trabalho é fundamental para garantir excelência no atendimento, mantendo sempre um serviço cordial e caprichoso.

Evidentemente a quantidade de funcionários varia conforme o porte da pizzaria e volume de clientes atendidos. Basicamente, para começar as atividades são necessários: Pizzaiolo, cozinheiro, garçons, caixa e um gerente.

7. Divulgação da pizzaria

Para a divulgação da pizzaria é essencial usufruir de todos os benefícios proporcionados pelo grande impacto das redes sociais como Facebook e Instagram. Caprichar nas imagens, divulgar eventos e todos os diferenciais oferecidos pela pizzaria são de extrema importância para ganhar a atenção dos clientes.

É recomendável fazer promoções em algumas ocasiões tais como happy hours, dia dos namorados e em dias com menor movimento.

Com essas informações, é possível observar que saber como montar uma pizzaria não é um bicho de sete cabeças, demonstrando que o sonho de abrir o próprio negócio é perfeitamente possível.

Imagem: masterpizzaitu.com.br; UOL

Publicidade

Isso pode te interessar: