Propagandas Antigas – 5 Lições Para o Marketing Atual


propagandas antigas

As propagandas antigas têm muito a ensinar em marketing, já que elas marcam uma época na qual uma grande quantidade de produtos e serviços começaram a se tornar mais acessíveis para a população. Para conferir algumas lições preciosas trazidas por elas e ver curiosidades interessantes dessas propagandas, veja nosso post.

5 lições das propagandas antigas para o marketing moderno

Abaixo listaremos algumas lições das propagandas antigas para o marketing de hoje:

Publicidade

1 – Objetividade

Uma das maiores lições que as propagandas de antigamente podem ensinar para o marketing atual é a objetividade. Frases claras, comunicação verbal com excelente dicção e menção direta das vantagens de determinado produto ou serviço estão entre as principais características do marketing de antigamente.

Nada é mais tedioso para um potencial cliente que um vendedor que fala de tudo, menos do que realmente interessa, fazendo com que ele rapidamente desista da compra.

2 – Foco no produto ou serviço

As propagandas antigas não tinham vergonha de valorizar o produto, demonstrando todas as vantagens de adquiri-lo e utilizá-lo no dia a dia. O mesmo vale para os serviços. O foco não era na figura do vendedor, mas sim, na utilidade e atratividade do produto/serviço. Talvez o marketing atual deva considerar um pouco isso ao não esquecer que a estrela em questão será sempre o que está sendo oferecido e não quem está oferecendo.

3 – Atendimento a uma necessidade específica

As propagandas de antigamente deixavam muito claro uma necessidade específica que era atendida por aquele produto. Não é por acaso que grandes marcas pioneiras se tornaram sinônimo do atendimento a uma necessidade específica.

Exemplos:

  • Sabão em pó = Omo;
  • Lâmina de barbear = Gillette;
  • Esponja de aço = Bombril.

Tanto nas propagandas escritas quanto nas faladas, a necessidade específica atendida por determinado produto sempre era muito clara, não deixando qualquer dúvida ao consumidor.

4 – Valorização da marca

Outra das características das propagandas antigas é que elas não tinham qualquer timidez em reforçar e divulgar a marca. Não foi por acaso que marcas como a Coca-Cola se tornaram tão conhecidas – muito reforço. O marketing atual parece ter adquirido um certo receio de reforçar a marca o que muitas vezes pode ser prejudicial, já que um antigo ditado menciona: “é preciso ser visto para ser lembrado.”

5 – Linguagem fácil

Além da objetividade, outra lição das propagandas antigas é a linguagem fácil. Essas propagandas eram plenamente compreendidas por pessoas de todos os níveis sociais e possuíam grande alcance graças à simplicidade. Será que o marketing atual não precisa recuperar um pouco dessa simplicidade nas suas propagandas, tornando-as facilmente compreensíveis por uma maior quantidade de pessoas?

5 exemplos de propagandas antigas

1 – Kolynos

Propagandas antigas

Por mais que essa marca já não seja mais utilizada, a Kolynos era um dos nomes mais lembrados de cremes dentais no Brasil. E assim ficou por décadas. Quem é que não lembra daquele tubo de Kolynos amarelo com tampinha verde no armarinho de casa?

2 – Batom

Propagandas antigas

Na década de 90, ficou famosa a propaganda desse chocolate da Garoto: “compre batom, compre batom…”, sendo até hoje o mais lembrado principalmente por adultos. Este é um excelente exemplo de reforço da marca.

3 – Omo

Propagandas antigas

A Omo, marca até hoje fortemente presente no Brasil, é um exemplo de propagandas antigas que transmitiam de forma objetiva o atendimento a uma necessidade específica: limpar e dar branco às roupas.

4 – Nescau

Propagandas antigas

Pertencente à Nestlé, esta é outra das marcas mais conhecidas pelos brasileiros. Inclusive, há décadas, essa frase de efeito usada pela Nescau determina muitas das estratégias da publicidade atual, sendo um excelente exemplo de uma linguagem fácil e associada a um conceito: energia para o dia a dia.

5 – Biotônico Fontoura

Propagandas antigas

Esta marca até hoje presente no mercado pertence às propagandas antigas que mais fizeram sucesso no Brasil, estando associada a um conceito muito claro: força. Quem não lembra também da avó ou da mãe nos oferecendo esse líquido para aumentar o apetite ou a força física?

Para saber um pouco mais sobre propagandas antigas e analisar como elas eram construídas com excelentes sacadas de marketing, confira os vídeos que colocamos abaixo.

Com todo esse material, você pode fazer pesquisas muito interessantes e utilizar algumas dessas dicas para aplicar atualmente.

Imagens: guaraitem.com.br / anos80.net / propagandashistoricas.com.br / chefairfryer.com.br / pinterest.pt

Publicidade