13 Franquias de Roupas Femininas, Masculinas, Fitness e Bebê no Brasil


Na busca de ideias para abrir o próprio negócio, muitas pessoas optam por escolherem uma entre as muitas franquias de roupas existentes no Brasil. Para que os empreendedores obtenham ideias quanto àquelas que mais atendam suas necessidades, decidimos elencar quais são as mais conceituadas. Confira!

 

Publicidade

As Franquias de Roupas de Sucesso no Brasil

1 – Hope Lingerie

Não é novidade que as mulheres adoram e investem bastante em lingeries novas. Em resposta a esta constante demanda de mercado, a franquia de roupas Hope, especializada em lingerie, se tornou uma das melhores opções para quem deseja iniciar neste ramo.

No mercado há mais de 50 anos, trata-se de uma marca bastante consolidada, presente no Brasil e em outros países.

Hope é uma marca é muito conhecida entre as mulheres, afinal são anos no mercado valorizando o corpo feminino. O conceito da marca é baseado nas ultimas tendências de lingeries, pijamas, meias e acessórios que levam em conta a beleza e o conforto da mulher.

  • Investimento: À partir de R$ 275 mil ( já incluso a instalação, taxa de franquia e capital de giro)
  • Retorno estimado em 36 meses
  • Faturamento médio de R$ 110 mil

A HOPE é uma grande franquia de roupa íntima feminina, são mais de 170 unidades franqueadas em todo Brasil.

 

2 – Hering Store

A marca é uma das mais conceituadas franquias de roupas do Brasil. A empresa montou seu conceito em cima de peças de malha de boa qualidade que reúnem modelos básicos femininos e masculinos. As lojas da Hering geralmente são em shoppings ou centro comerciais, o contrato com a marca é de 5 anos, sendo que o retorno do investimento está calculado em até 36 meses. Veja outros valores:

  • Investimento: À partir de R$ 450 mil
  • Taxa de franquia: R$ 40 mil
  • Taxa de propaganda: 1,5% sobre as compras
  • Royalties: 40% ( Os valores já estão incluso nos produtos)
  • Faturamento aproximado: R$ 160 mil
  • Capital de giro: R$ 300 mil

São mais de 640 lojas no Brasil e 17 no exterior. Se você se interessou, veja mais informações no site da Hering.

 

2 – FORUM

A marca é uma referência de moda feminina e masculina em todo Brasil, o conceito da FORUM é atender um público mais jovem e urbano com diversas peças originais e de bom gosto.

Para ser um franqueado FORUM é preciso um bom capital de investimento.

  • Investimento mínimo da marca é de R$ 795 mil e um capital de giro de R$ 350 mil
  • Retorno em aproximado 36 meses
  • Taxa de franquia R$ 45 mil
  • Área útil de no mínimo 80 metros.

A FORUM possui 17 lojas próprias, mais de 35 franqueadas e 658 multimarcas que comercializam a marca por todo o Brasil. Veja mais informações da franquia de roupas FORUM no site.

 

3 – Fatto a Mano

Para o empreendedor que deseja investir em uma franquia de roupa masculina a Fatto a Mano é uma opção que oferece um conceito de moda social, casual e também serviço de alfaiataria.

Embora, seu foco seja a moda masculina, a marca iniciou seu projeto de moda feminina. O diferencial da marca são os tecidos importados de qualidade utilizados na confecção das peças, a empresa possui um departamento próprio de desenvolvimento de produto.

Hoje são mais de 55 unidades próprias e 41 unidades fraqueadas. Todo esse crescimento surgiu em pouco tempo, já que o sistema de franquias iniciou em 2009.

  • Investimento: Pode variar de R$ 170 mil a R$ 200 mil
  • Taxa de franquia: R$ 50 mil
  • Royalties: 5% sobre o faturamento bruto
  • Prazo de retorno é de 36 meses
  • Faturamento médio: Não informa

 

4 –  Coca Cola Jeans

A marca Coca Cola é conhecida no mundo inteiro, o conceito de franquia de roupas surgiu em 2005 e o foco é totalmente no jeans. No Brasil, são mais de 20 lojas franqueadas.

  • Investimento mínimo de R$ 350 mil
  • Taxa de franquia: R$ 50 mil
  • Royalties: 42,86% sobre as compras
  • Faturamento: R$ 150 mil
  • Retorno em 24 meses
  • Capital de giro: R$ 100 mil
  • Não cobra taxa de publicidade

 

franquia-de-roupa-coca-cola-jeans

Outras franquia de roupas que atuam no Brasil

5 – Torcedor Esporte Clube

O segmento de roupas esportivas é um dos que mais crescem no Brasil. O motivo é que o esporte, principalmente o futebol, é a grande paixão dos brasileiros que desejam, obviamente, torcer pelos seus times a caráter.

A franquia Torcedor Esporte Clube comercializa produtos oficiais de diversos clubes esportivos do Brasil e do mundo, atendendo a todos os torcedores de plantão. Roupas de times também são muito procuradas como opções de presentes, fazendo com que a demanda pelos produtos seja contínua.

6 – Malwee

A franquia da Malwee, empresa atuante no mercado desde 1968, é sinônimo de conforto e extrema qualidade, atendendo aos públicos feminino e masculino, oferecendo produtos com cores leves e joviais.

7 – Dress To

Esta franquia atende exclusivamente ao público feminino, buscando oferecer peças bem leves com uma proposta bastante moderna. A loja também comercializa calçados, bolsas, carteiras femininas e recentemente começou a oferecer peças do vestuário infantil.

8 – Enjoy

A Enjoy é uma das franquias de roupas mais conhecidas em todo país, disponibilizando as mais atualizadas tendências da moda. As peças possuem um estilo urbano, utilitário sem jamais abrir mão do conforto e da beleza.

9 – Bebê Básico

A Bebê Básico consiste numa das lojas de roupas para crianças de 0 a 5 anos mais conhecidas em todo país, buscando manter os pequenos sempre de acordo com a moda.

10 – UVLine

A UVLine é uma empresa que se dedica à produção e comercialização de roupas e acessórios que protegem contra os raios UVA e UVB, dando origem ao seu nome. As lojas também oferecem produtos esportivos para a prática de natação, ciclismo e surfe, disponibilizando roupas leves, confortáveis e em cores atrativas.

Como é possível perceber, excelentes opções de franquias de roupas é o que não faltam. Portanto, para iniciar um bom negócio neste ramo de atividade, basta entrar em contato com essas empresas para obter todas as informações quanto à abertura da franquia.

11 – Mormaii

Atuante no ramo de vestuário feminino e masculino, a Mormaii está há mais de 30 anos no mercado e a “temática” das peças de roupas dessa loja é focada em esportes, sobretudo o surf. O estilo dessa franquia é bastante jovial e agrada imensamente os consumidores espalhados por todo Brasil.

12 – Tevah – Franquias de roupas

Bastante atuante na região sul, as franquias da Tevah são especializadas em moda masculina, tendo como principal diferencial um primoroso serviço quanto à personalização de roupas sob medida, incluindo atendimentos em domicílios e escritórios.

13 – Joana João

Referente às opções para roupas infantis, a franquia Joana João se apresenta como uma das mais conceituadas no Brasil. Há mais de 20 anos atuando neste mercado, a empresa comercializa lindas roupas e acessórios especialmente desenvolvidos para deixar os pequenos ainda mais lindos.

Como escolher a melhor franquia de roupas

Existem inúmeras opções de franquias de roupas, mas é preciso escolher uma marca que possui uma boa aceitação no mercado e que realmente valha a pena o investimento. O empreendedor terá que buscar muitas informações sobre as marcas e principalmente avaliar o ramo certo dentro do segmento de vestuário.

É ideal que o empreendedor escolha uma franquia de roupas que se identifique com o seu perfil, desse modo, ficará mais fácil gerenciar o negócio. Após definir o segmento de trabalho (roupas femininas, masculinas, infantis ou mistas), então começa uma pesquisa de todas as marcas, para isso:

  • Fale com alguns franqueados dessas marcas, avalie se os números oferecidos pela franquia são reais;
  • Faça um estudo do ponto comercial de acordo com seu público alvo;
  • Viabilize todos os custos com a abertura da franquia de roupas;
  • Analise se o público dessa marca é fiel;
  • Solicite o COF ( Circular de oferta de franquia) para a franqueadora;

Antes de assinar qualquer contrato, investigue, pesquise e avalie todos os detalhes para entrar no negócio ciente de todas as cláusulas. A maioria das franquias de roupas tem um contrato com vigência de 5 anos, depois de fechado o negócio, não tem como voltar atrás.

Publicidade