Página Inicial Como Fazer

Cardápios Para Lanches: Modelos prontos para Editar e usar

Para elaborar cardápios para lanches basta seguir essas dicas essenciais que iremos dar. Cada uma delas fará toda diferença para que sua lanchonete se destaque dos concorrentes e tenha um excelente volume de vendas no decorrer do mês. Confira.

8 dicas para montar cardápios para lanches

1 – Listar todos os lanches

O primeiro passo de como montar cardápios para lanches é listar todos os lanches oferecidos na sua lanchonete. Essa lista é o ponto de partida para definir o número desses itens no cardápio e, mais adiante, fazer uma divisão por seções, de acordo com cada tipo de lanche. Ao listar esses lanches, também é o momento de atribuir os nomes que serão dados a eles no cardápio.


Publicidade

Exemplo:

  • Super Picanha
  • X-Salada
  • X-Bacon Vip
  • X-Queijo com Milho

2 – Detalhar os ingredientes dos lanches

Depois de fazer uma lista básica com todos os tipos de lanche é necessário colocar em cada um deles quais são os ingredientes utilizados no preparo de cada lanche. Isso facilita o atendimento dos garçons ao esclarecer dúvidas dos clientes e ainda favorece a agilidade na hora do atendimento.

3 – Inserir cores da logomarca da lanchonete

Nos cardápios para lanches é essencial valorizar as cores da logomarca da lanchonete. Esse fator bem simples na elaboração do cardápio faz com que os clientes lembrem do nome do estabelecimento e dos lanches com maior facilidade e indiquem sua lanchonete para que outras pessoas conheçam.

4 – Contar com um fotógrafo profissional

Cardápios para lanches que fazem sucesso provocam a sensação de água na boca. Para que isso ocorra, a qualidade das imagens dos lanches é crucial. Portanto, a dica aqui é contar com o serviço de um fotógrafo profissional para realizar as fotografias de cada lanche oferecido no estabelecimento.


Publicidade

Essas fotos que retratam exatamente o produto oferecido também oferece maior credibilidade ao estabelecimento. Devem ser evitadas fotos montadas ou copiadas de outros locais, pois isso desvaloriza os tipos de lanches oferecidos na sua lanchonete.

5 – Usar letras grandes

Os cardápios para lanches devem conter letras grandes, deixando claro os lanches, ingredientes contidos em cada um deles, acompanhamentos, molhos, bebidas e demais itens do cardápio. As letras em tamanho maior também são essenciais para tornar o atendimento dos garçons mais rápido, o que reverte em bons resultados para a lanchonete.

6 – Estruturar o cardápio por seções

cardápios para lanches

Especialmente nas lanchonetes que trabalham com uma grande variedade de itens, a melhor solução é estruturar cardápios para lanches por seções de acordo com cada tipo de lanche. Suponhamos que seu estabelecimento ofereça lanches com carne bovina, suína, frango e peixes. O cardápio poderia ser dividido da seguinte forma:


Publicidade

Opções com carne bovina

  • Lanche 1
  • Lanche 2
  • Lanche 3

Opções com carne suína

  • Lanche 1
  • Lanche 2
  • Lanche 3

Opções com frango

  • Lanche 1
  • Lanche 2
  • Lanche 3

Opções com peixe

  • Lanche 1
  • Lanche 2
  • Lanche 3

7 – Empregar um visual atrativo

O sucesso dos cardápios para lanches depende bastante do visual do cardápio, o que abrange tipo de fonte utilizado nas letras, cores, harmonização de cores, fotos, material no qual o cardápio foi impresso etc.

Para garantir que seu cardápio seja diferente e se destaque dos concorrentes a dica é fazer uma pesquisa dos melhores modelos de cardápios para lanches adotados pelas mais famosas lanchonetes em diversas cidades do Brasil e também contratar os serviços de um profissional nessa área (designer gráfico).

8 – Inserir sugestões de acompanhamento

Uma dica essencial para cardápios para lanches e para estimular um consumo maior na sua lanchonete é colocar algumas frases curtas no cardápio (abaixo de cada tipo de lanche), contendo sugestões de acompanhamento.

Um tipo de frase a ser adotada é: “vai bem com.” Vamos ver essa ideia na prática.

Exemplo 1:

Super Costelinha de Porco

(pão de hambúrguer, costelinha de porco assada e fatiada, queijo cheddar e molho barbecue).

Vai bem com: guaraná, cerveja pilsen, batata frita.

Exemplo 2:

Mr. Salmão

(pão de hambúrguer, salmão defumado, alcaparras, rúcula e molho verde especial)

Vai bem com: chopp escuro.

Todas essas dicas de como fazer cardápios para lanches são de imensa ajuda para o sucesso do seu negócio. Além de anotar todas elas (e colocá-las em prática), fique por dentro dos nossos demais conteúdos para garantir um excelente resultado financeiro da sua lanchonete.

Imagens: montarumnegocio.com / meubairroburitis.com.br

 

 

 

 


Publicidade