Dicas de Como Vender pelo Linkedin


Ao ouvir falar sobre dicas de como vender mais pelo Linkedin muitas pessoas ainda se surpreendem ao saber que este canal também pode ser utilizado para vender produtos e serviços.

O Linkedin consiste em uma das redes sociais mais utilizadas em todo mundo, possuindo 11 milhões de usuários no Brasil. Fundado em 2002, trata-se de um canal utilizado sobretudo para contatos profissionais.

Para saber um pouco mais sobre como otimizar os resultados obtidos com esta importante ferramenta, basta acompanhar o nosso post.

Construir uma boa rede de conexões

Construir uma boa rede de conexões é uma das principais dicas de como vender mais pelo Linkedin. No caso dessa rede social, aquele antigo ditado popular que menciona: “Diga-me com quem andas que te direi quem és”, faz todo sentido.

Publicidade

O motivo é que as pessoas conectadas ao Linkedin de determinado profissional ou empresa podem aumentar a credibilidade e potencializam outras conexões, aumentando o número de clientes. Entre as dicas de como construir as melhores conexões, estão:

– Acrescentar ao cartão de visitas e na assinatura do e-mail o endereço do perfil no Linkedin;

– Adicionar aos contatos os colegas de faculdade e de empregos anteriores;

– Adicionar pessoas que foram conhecidas em cursos, palestras, workshops e demais eventos;

– Adicionar clientes que se destacam e que preferencialmente possam dar recomendações positivas;

– Buscar adicionar pessoas que se destacam na área de atuação de quem pretende vender mais pelo Linkedin.

Publicidade

dicas-de-como-vender-mais-pelo-linkedin_1

Fazer atualizações interessantes no perfil

Manter informações interessantes sobre o perfil profissional no espaço disponibilizado pelo Linkedin é de extrema importância para garantir destaque nesta rede social.

Este espaço pode ser aproveitado para compartilhar artigos, notícias ou informações que despertem a atenção das pessoas pertencentes às suas conexões.

Se o conteúdo foi escrito por você e publicado em um canal de referência no segmento em questão, o número de acessos e a credibilidade aumenta ainda mais.

Estar bem informado por meio da participação em grupos

Buscar participar de grupos e tentar ser um participante engajado em cada um deles (ou ao menos nos principais) pode ajudar bastante no fortalecimento de uma referência para futuros contatos. Vale ressaltar que uma conta básica no Linkedin permite a participação em até 50 grupos, logo é interessante escolher aqueles que mais se destacam.

Para ter um bom desempenho quanto à sua participação nos grupos, é imprescindível seguir algumas estratégias simples, tais como:

Falar sobre assuntos novos

As pessoas são ávidas por novidades. No entanto, é preciso que as informações sejam de qualidade. Publicar conteúdos internacionais, inovações ou ideias criativas quanto a determinado assunto costumam fazer muito sucesso nas redes sociais.

Manter a frequência

Para gerar credibilidade e transmitir confiança para as pessoas conectadas ao Linkedin, é indispensável manter uma participação frequente nos grupos.

Evitar fazer propagandas

Os grupos jamais deverão ser utilizados para propaganda. É indispensável não esquecer que o objetivo de atuar no Linkedin é fortalecer sua imagem e não divulgar diretamente produtos ou serviços.

Acompanhar clientes pela opção “seguir” é outra das dicas de como vender mais pelo Linkedin

Acompanhar os potenciais clientes é fundamental para colher informações sobre o perfil e características deles e com isso fazer uma abordagem mais segura futuramente.

A opção “seguir” é semelhante a opção “conexão”, mas independe que a outra pessoa aceite. Esta é também uma excelente estratégia para buscar inspirações em empresários e profissionais que você admira.

Verificar o melhor momento para entrar em contato com um potencial cliente

Após analisar com mais detalhes os perfis dos potenciais clientes, é necessário identificar o momento certo para entrar em contato com eles.

O Linkedin exibe o momento exato quanto há atualização das conexões, fazendo com que fique bem fácil identificar em qual horário o potencial cliente possui maior disponibilidade de atender.

Este é o momento propício para enviar uma mensagem pelo próprio Linkedin, enviar um e-mail ou até mesmo fazer uma ligação.

Para fazer uma abordagem assertiva é indispensável buscar demonstrar ao cliente o que ele tem a ganhar com o que você está oferecendo. A comunicação deve ser bem simples e objetiva, sem muitas delongas.

Com essas dicas de como vender mais pelo Linkedin, certamente os resultados obtidos terão um impacto altamente positivo.

Imagem: diretrizdigital.com.br; porto40.com.br

Publicidade